Cuiabá MT, 03 de Dezembro de 2021 - São
 

Cidade
  Mato Grosso
  Brasil
  Sociaedade
  Curiosidade
  Polícia
  Política
  Justiça
  Variedades
  Esporte
  Coluna
  Opinião
  Artigo

Newsletter
Nome:
<

Email:
<
<
<
<
<
<
<

Parcerias
<
<
<
<
<
<
<
<
<

Denúncias
<
<
<
<
<
<
<
<

<
<
<
<
<
<
<
<

<
<
<
<
<
<
<
<

<
<
<
<
<
<
<
<

  Cielo ganha apenas o bronze nos 50 m livre  
  03/08/2012 - 17:08  
 Brasileiro priorizou prova mais rápida nos Jogos de Londres 2012, mas foi superado pelo francês Florent Manadou e pelo norte-americano Cullen Jones 
Reprodução/iG

 A estratégia não funcionou totalmente. Cesar Cielo priorizou os 50 m livre nos Jogos Olímpicos de Londres 2012, poupou energias para a prova, mas nem assim atingiu a meta de tempo que havia estabelecido. Com um tempo pior do que na semifinal, o nome mais badalado do Brasil nas piscinas britânicas conseguiu "apenas" uma medalha de bronze.



Cielo nadou os 50 m livre em 21s59, mais do que os 21s54 que ele havia marcado na semifinal. O brasileiro chegou a dizer que pretendia fazer 21s2 na decisão desta sexta-feira.



"Tem um gosto de derrota, não vou mentir, mas pelo menos eu fiz o pódio. A derrota deixa os erros mais claros, e agora é repensar aquilo que deu errado", declarou Cielo em entrevista à TV Record.



Se tivesse alcançado o tempo pretendido, Cielo teria saído com o ouro. O vencedor da prova foi o francês Florent Manadou, que completou o percurso em 21s34. O norte-americano Cullen Jones igualou os 21s54 que havia feito na semifinal e ficou com a prata.



"O francês nadou a prova da vida dele. E nos 50 m livre, sempre temos surpresas", analisou Cielo.



O que aumenta o sentimento de frustração no caso de Cielo é o quanto ele apostou na prova. A despeito de ter somado o terceiro pódio olímpico da carreira, o nadador falou tantas vezes em se poupar e fazer o melhor nos 50 m livre que criou um ambiente de pressão para esta sexta.



Vencedor da prova em Pequim 2008, Cielo havia apostado todas as fichas nos 50 m livre em Londres 2012. Por isso, por exemplo, o brasileiro não quis nadar os revezamentos 4 x 100 m livre e 4 x 100 m medley - a equipe nacional foi eliminada na seletiva de ambas as provas.



Cielo também foi apenas o sexto na prova decisiva dos 100 m livre, e perdeu para George Bovell, de Trinidad e Tobago, na primeira seletiva dos 50 m livre. Em todas as ocasiões, o brasileiro sempre repetiu o discurso de que a prioridade era poupar energia para a tarde desta sexta-feira.



Na semifinal dos 50 m livre, Cielo nadou 21s54 e fez o melhor tempo. Ainda assim, disse que precisava melhorar e chegar a 21s2 na decisão dos 50 m livre.



Florent Manadou, que ficou com o ouro e "tomou" o título de Cielo, era um dos dois nadadores que não tinham medalhas olímpicas entre os oito finalistas desta sexta-feira. O outro era o brasileiro Bruno Fratus, que fez 21s61 e terminou a prova em quarto.

 

 


Fonte: Mídia News



Compartilhe essa notícia



Comentários ( 0 )

Notícia sem comentários.
Faça seu comentário agora.
 

Site Lucio Dia e Noiter já teve 1971587 Acessos
Sua empresa ainda não tem site? clique aqui
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<