Cuiabá MT, 03 de Dezembro de 2021 - São
 

Cidade
  Mato Grosso
  Brasil
  Sociaedade
  Curiosidade
  Polícia
  Política
  Justiça
  Variedades
  Esporte
  Coluna
  Opinião
  Artigo

Newsletter
Nome:
<

Email:
<
<
<
<
<
<
<

Parcerias
<
<
<
<
<
<
<
<
<

Denúncias
<
<
<
<
<
<
<
<

<
<
<
<
<
<
<
<

<
<
<
<
<
<
<
<

<
<
<
<
<
<
<
<

  Agência Metropolitana vira polêmica e irrita deputados  
  12/10/2011 - 13:28  
 Deputados alegam falta de diálogo; Eder teria atropelado processo ao anunciar Yênes como diretor  
MidiaNews

A base aliada do governador Silval Barbosa (PMDB) ameaça não aprovar a proposta de criação de uma Agência Metropolitana, que seria responsável pela administração dos serviços de transportes, água, esgoto e coleta de lixo em Cuiabá, Várzea Grande, Nossa Senhora do Livramento e Santo Antônio de Leverger.

O projeto, de autoria do deputado estadual Sérgio Ricardo (PR), já recebeu aval do Executivo, porém, a discussão política em torno do assunto tem irritado grande parte dos parlamentares.

Isso porque, antes mesmo de o projeto chegar ao Legislativo, o secretário extraordinário da Copa do Mundo, Eder Moraes, atropelou o processo e anunciou que o ex-diretor de Planejamento da extinta Agecopa (Agência Estadual de Execução de Projetos para a Copa), Yenês Magalhães, seria o titular da Agência Metropolitana.

Por conta disso, o próprio Yenês concedeu entrevista, na semana passada, explicando aos profissionais da imprensa os detalhes da agência, fato que desagradou os deputados.

"A reivindicação para criar a Agência Metropolitana é antiga porque o Governo Federal destina a maior parte dos recursos do orçamento para priorizar essas regiões. O que preocupa é que a agência está sendo criada para assentar pessoas que ficaram de fora da Secopa. O critério político não pode se sobrepor ao técnico", criticou o deputado Sérgio Ricardo.

O parlamentar ainda criticou a cúpula do Palácio Paiaguás pela condução do tema.

"Como se anuncia o nome do presidente da Agência Metropolitana, sem ter a criação e tampouco a sabatina feita pela Assembleia Legislativa do indicado para assumir o cargo? O processo está sendo visivelmente atropelado", disse.

Até mesmo o líder do Governo, deputado Romoaldo Junior (PMDB), criticou a condução das negociações do Executivo com o Parlamento.

"Atropelaram o processo de escolha do Legislativo, que tem autonomia para conduzir o nome do presidente da Agência Metropolitana. O papel dessa autarquia tem que ser amplamente discutido. Não é o momento de priorizar nomes", disse o deputado.

Emanuel Pinheiro (PR) criticou a criação de uma Agência Metropolitana na estrutura do Estado.

"Já passou da hora de repensar o papel destas agências, que gastam muito e produzem pouco. Extinguimos, há pouco tempo, a Agecopa, e a Ager é uma estrutura que não funciona perfeitamente. A princípio, sou contra este projeto", afirmou o republicano.

A expectativa é de que a Assembleia Legislativa aprecie o pedido de criação da Agência Metropolitana somente na próxima semana. São necessários, no mínimo, 16 votos favoráveis para o projeto ser aprovado em Plenário.



Fonte: MidiaNews



Compartilhe essa notícia



Comentários ( 0 )

Notícia sem comentários.
Faça seu comentário agora.
 

Site Lucio Dia e Noiter já teve 1971609 Acessos
Sua empresa ainda não tem site? clique aqui
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<