Cuiabá MT, 20 de Janeiro de 2020 - São
 

Cidade
  Mato Grosso
  Brasil
  Sociaedade
  Curiosidade
  Polícia
  Política
  Justiça
  Variedades
  Esporte
  Coluna
  Opinião
  Artigo

Newsletter
Nome:
<

Email:
<
<
<
<
<
<
<

Parcerias
<
<
<
<
<
<
<
<
<

Denúncias
<
<
<
<
<
<
<
<

<
<
<
<
<
<
<
<

<
<
<
<
<
<
<
<

<
<
<
<
<
<
<
<

  TCE suspeita de direcionamento e suspende licitação para compra de tablets em Várzea Grande  
  26/04/2019 - 19:46  
 A conselheira interina do Tribunal de Contas de Mato Grosso, Jaqueline Jacobsen Marques suspendeu cautelarmente o Processo Licitatório do Pregão Eletrônico nº 25/2019, cujo objeto era a aquisição de dispositivo eletrônico tablet, para atender a demanda da Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Esporte e Lazer do Município de Várzea Grande. 
odocumento

 A conselheira interina do Tribunal de Contas de Mato Grosso, Jaqueline Jacobsen Marques suspendeu cautelarmente o Processo Licitatório do Pregão Eletrônico nº 25/2019, cujo objeto era a aquisição de dispositivo eletrônico tablet, para atender a demanda da Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Esporte e Lazer do Município de Várzea Grande. A decisão singular foi publicada no Diário Oficial de Contas do dia 24/04 e ainda será apreciada em sessão plenária para sua homologação.

O que motivou a decisão da conselheira foi a percepção da equipe técnica de indícios de irregularidades no procedimento, tais como a constatação de especificações excessivas, irrelevantes ou desnecessárias que poderiam restringir a competição do certame licitatório. Além disso ainda foi contatada a ausência de justificativa da inviabilidade técnica e/ou econômica para o não parcelamento de objeto.

Segundo Jacobsen, é importante destacar que “pode vir a ser prejudicial a aglutinação de dois produtos em um item do Edital do Pregão Eletrônico nº 25/2019 – aquisição de dispositivo eletrônico tablet em conjunto com caneta touchscreen – quando poderia ter sido adotado o parcelamento”.

Serão notificados a prefeita de Várzea Grande, Lucimar Sacre de Campos e o secretário Municipal de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, Silvio Aparecido Fidelis, para que promovam, imediatamente, a suspensão do Processo Licitatório e de seus efeitos. Caso sejam confirmados os apontamentos, a gestão municipal deve suspender ou anular o certame licitatório, inclusive para deflagração de novo edital corrigido.



Fonte: odocumento



Compartilhe essa notícia



Comentários ( 0 )

Notícia sem comentários.
Faça seu comentário agora.
 

Site Lucio Dia e Noiter já teve 1334444 Acessos
Sua empresa ainda não tem site? clique aqui
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<