Cuiabá MT, 28 de Outubro de 2020 - São
 

Cidade
  Mato Grosso
  Brasil
  Sociaedade
  Curiosidade
  Polícia
  Política
  Justiça
  Variedades
  Esporte
  Coluna
  Opinião
  Artigo

Newsletter
Nome:
<

Email:
<
<
<
<
<
<
<

Parcerias
<
<
<
<
<
<
<
<
<

Denúncias
<
<
<
<
<
<
<
<

<
<
<
<
<
<
<
<

<
<
<
<
<
<
<
<

<
<
<
<
<
<
<
<

  Cuidadora é presa suspeita de maus-tratos, em Anápolis  
  21/04/2019 - 18:53  
 Uma cuidadora de idosos foi presa no último sábado (20/1) suspeita de maus-tratos contra dois idosos dos quais ela tomava conta, em Anápolis, a 55 quilômetros de Goiânia. A polícia além de prender a suspeita, encontrou dentro da residência um dos idosos sem vida. 
FOTO: Reprodução- diaonline.r7

 Um dos idosos foi encontrado morto dentro da residência pela polícia.

 

ma cuidadora de idosos foi presa no último sábado (20/1) suspeita de maus-tratos contra dois idosos dos quais ela tomava conta, em Anápolis, a 55 quilômetros de Goiânia. A polícia além de prender a suspeita, encontrou dentro da residência um dos idosos sem vida.

A polícia chegou a casa após os vizinhos da residência em que os idosos moravam denunciar a situação em que eles estavam. Ao chegar a residência indicada pelos vizinhos do local, os policiais encontraram o fogão sujo, panelas engorduradas, lixo espalhado pelo chão, entre outras irregularidades. Além da sujeira e bagunça dentro da casa, os policiais encontraram José da Conceição, de 58 anos, sem os sinais vitais.

Em entrevista ao portal de notícias G1 o Subtenente Rodrigo Nascimento afirmou que haviam dois idosos morando na casa e que um deles estava morto. “Os dois idosos estavam em péssima condição de higiene, os vizinhos que denunciaram a cuidadora maltratava a ambos e não cuidava deles”, explica subtenente.

Polícia acredita que cuidadora tomou posse de cartões de benefícios dos dois idosos

A polícia levantou também que os dois idosos tinham cartões para receber benefícios, e acredita que a mulher suspeita dos maus-tratos se apropriou dos cartões para sacar e ficar com o dinheiro deles. Conforme as informações veiculadas do periódico local, o valor que cada um deles recebia R$ 2,3 mil por mês.

Ariel Martins delegado que acompanha o caso, afirmou que as alegações da mulher não parecem ser verdadeiras, com o que ocorreu. Pois, outros testemunhas deram declarações diferentes das versões apresentadas pela cuidadora.

A suspeita contou a polícia durante o depoimento que todos os dias estava na casa dos idosos e que cuidava deles. Além disto ela afirmou que sacava o dinheiro e repassava para eles. Conforme a publicação, a cuidadora dos idosos foi liberada após pagar fiança no valor de R$ 1 mil.

Foi solicitado também o laudo cadavérico que vai buscar identificar se a morte de José da Conceição foi natural ou se existe alguma ligação com os maus-tratos.

 

 

 



Fonte: diaonline.r7



Compartilhe essa notícia



Comentários ( 0 )

Notícia sem comentários.
Faça seu comentário agora.
 

Site Lucio Dia e Noiter já teve 1510614 Acessos
Sua empresa ainda não tem site? clique aqui
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<