Cuiabá MT, 24 de Junho de 2017 - São
 

Cidade
  Mato Grosso
  Brasil
  Sociaedade
  Curiosidade
  Polícia
  Política
  Justiça
  Variedades
  Esporte
  Coluna
  Opinião
  Artigo

Newsletter
Nome:
<

Email:
<
<
<
<
<
<
<

Parcerias
<
<
<
<
<
<
<
<
<

Denúncias
<
<
<
<
<
<
<
<

<
<
<
<
<
<
<
<

<
<
<
<
<
<
<
<

<
<
<
<
<
<
<
<

  Governo pune 32 empresas  
  01/02/2014 - 12:50  
 O governo puniu 32 empresas pela prática de irregularidades em licitações, de fraudes fiscais e/ou pelo descumprimento de contratos firmados com a administração pública nos dois últimos anos. Como algumas empresas foram responsabilizadas por mais de uma irregularidade, ao total foram 43 irregularidades.  

 O governo puniu 32 empresas pela prática de irregularidades em licitações, de fraudes fiscais e/ou pelo descumprimento de contratos firmados com a administração pública nos dois últimos anos. Como algumas empresas foram responsabilizadas por mais de uma irregularidade, ao total foram 43 irregularidades. As punições até então aplicadas vão de uma simples advertência até a declaração de inidoneidade, passando pela aplicação de multa e suspensão temporária de licitar e contratar com a administração pública. Desde de 2010 a Auditoria Geral do Estado (AGE) mantém desde 2010 o Cadastro Estadual de Empresas Inidôneas e Suspensas (CEIS), que está disponível para consulta no site www.auditoria.mt.gov.br. A relação é informada periodicamente à Controladoria Geral da União, para inclusão no Cadastro Nacional de Empresas Inidôneas e Suspensas (CEIS). Desde 2012, os auditores têm percorrido os órgãos para orientar os servidores acerca dos procedimentos a serem observados na execução dos contratos. “A fiscalização de contrato está intimamente ligada à eficiência da máquina pública”, argumenta o superintendente de Auditoria em Aquisições e Apoio Logístico, Ciro Rodolpho Gonçalves. Mais de mil servidores do Estado já receberam as orientações.Agora, com a Lei Anticorrupção (Lei Federal 12.846/2013), o governo aperfeiçoará a atuação na responsabilização de empresas pela prática de ilícitos contra a administração pública. (com assessoria)



Fonte: RDNEWS



Compartilhe essa notícia



Comentários ( 0 )

Notícia sem comentários.
Faça seu comentário agora.
 

Site Lucio Dia e Noiter já teve 641380 Acessos
Sua empresa ainda não tem site? clique aqui
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<