Cuiabá MT, 15 de Dezembro de 2017 - São
 

Cidade
  Mato Grosso
  Brasil
  Sociaedade
  Curiosidade
  Polícia
  Política
  Justiça
  Variedades
  Esporte
  Coluna
  Opinião
  Artigo

Newsletter
Nome:
<

Email:
<
<
<
<
<
<
<

Parcerias
<
<
<
<
<
<
<
<
<

Denúncias
<
<
<
<
<
<
<
<

<
<
<
<
<
<
<
<

<
<
<
<
<
<
<
<

<
<
<
<
<
<
<
<

  TRINTA ANOS NA ESTRADA FEZ DA BANDA RAIZES DO SAMBA O MELHOR GRUPO MUSICAL DE MATO GROSSO!  
  25/03/2013 - 18:10  
 Desde 1985 o Grupo Musical Raízes do Samba esta na estrada e na direção musical permanece o instrumentista Manoel Azevedo, (manezinho do cavaco), que mudou de instrumento e agora é um exímio violonista, e no seu lugar de origem colocou o filho Renato Azevedo, que já é considerado fera na harmonia e no suingue. 

 Desde 1985 o Grupo Musical Raízes do Samba esta na estrada e na direção musical permanece o instrumentista Manoel Azevedo, (manezinho do cavaco), que mudou de instrumento e agora é um exímio violonista, e no seu lugar de origem colocou o filho Renato Azevedo, que já é considerado fera na harmonia e no suingue. 

      Durante os muitos anos a formação do grupo foi sendo mudada de acordo a necessidade e conveniência. O fato concreto é que as mudanças que aconteceram no grupo sempre foram no sentido de encontrar um índice de aperfeiçoamento capaz de transformar uma banda musical simples num grupo espetacular naquilo em que é especialista, ou seja, no samba denominado de raiz ou não, o certo é que Manoel Azevedo é na atualidade sem qualquer favor, um dos mais renomados especialistas no assunto. O Grupo Raízes do Samba na sua recente formação possui uma legião de fãs que acompanha o grupo para qualquer lugar em que ele se apresente.

Prova do que se diz aqui é que aos sábados a Sinfonia Bar se transformou no pointer preferido de todos os boêmios que apreciam uma boa musica. Não apenas boêmios inveterados que vão ao Sinfonia Bar para curtir o suingue da Banda do Manoel Azevedo, os jovens também se fazem presentes no ambiente, que aliás é muito saudável, vez que na sua direção está o Arley, para os íntimos Mano que também é musico e além disso uma cara simpático que sabe como  poucos cativar a clientela que frequenta seu espaço cultural, esportivo e musicalíssimo, é isso mesmo, até porque, ali se pratica auterocopismo de forma responsável. Tanto isso é verdade que não se tem noticia de alguém que já tenha entrado em coma durante o torneio de levantamento de copos.

      Não seria decente nominar os músicos permanentes do grupo, até porque não nos foi passado seus nomes, apesar da insistência em solicitar isso ao maestro Manoel Azevedo.

 Pulando essa parte não temos como não falar da estrela principal do elenco, Semithe Marques de Azevedo que já está em Cuiabá desde 1981.

       Semithe iniciou sua carreira musical como intérprete por volta de 1977 quando ainda vivia em Rondónia, na cidade em que nasceu (Surpresa) sua terra natal.

 Ali Semithe se apresentava constantemente em clubes festas familiares em Emissoras de Radio etc. Até que finalmente participou de um concurso em Guajará Mirim e na ocasião foi eleita a melhor cantora de Rondônia, passando a ser chamada a partir dali, a Voz de Ouro da Amazônia.

Dai por diante foram inúmeras viagens por muitos estados, sempre se apresentando nas mais sofisticadas casas noturnas e clubes sociais.

 Até que o vento lhe empurrou para o lado de São Paulo, mais o destino interferiu na sua caminhada e fez com que a bela Semithe fizesse uma parada estratégica em Cuiabá.

“Após a citada parada em Cuiabá, eis que de repente a Voz de Ouro da Amazônia, colocou os olhos no Manezinho, e ai pronto; sua historia de vida tomou um novo rumo, e ela passou a cantar aquela canção do estilo sertaneja de Zezé de Camargo e Luciano. É o Amorrrrrrrrrrrrrrrrr!”...

E lá se foram trinta anos de muitas estórias que nunca foram e nem serão contadas.

      Também chegou o nascimento de Renato e Semira, ai veio os netos, tudo isso acontecendo na vida dos artistas em tela enquanto eles atravessaram as noites e noites mal dormidas e dias correndo atrás do prejuízo sem desistir de seguir o foco da missão principal,  (fazer musica para embalar corações apaixonados). 

Ganhos e perdas de contratos foram muitos, desentendimentos com músicos e empresários de casas noturnas, também.

Em fim essas coisas que rondam a vida dos artistas não são nada fáceis de ser conduzidas.

 Mas esquecendo de todos os pormenores ou maiores, vale salientar que o mais importante é saber que em Cuiabá, existe um dos melhores grupos musicais do Brasil.

Na verdade Raízes do Samba não é somente um grupo musical, já se transformou numa religião com milhares de fieis batendo palmas ao final de cada “Hino cantado pela estrela do grupo”.

 “Semithe Azevedo, acompanhada em coro formado pelos fieis, e sob o acompanhamento da quase divina orquestra sob a batuta do maestro Manuel Azevedo”. Como bem diz o brilhante jornalista Edson Pires, é “lindo lindo, lindo”. Mane Semithe e os demais componentes do grupo, parabéns pelos trinta anos de harmonia, balanço, suingues, e do bem que vocês fazem a todos que os assistem apenas olhando ou dançando. Benza Deus! Olha gente vai lá à sinfonia é real vale a pena participar da festa do show e de tudo mais que rola ao som do violão maestro Manoel Azevedo, cavaco do Renato, pandeiro Juliano, repique Benedito Cabeça, e surdo do Chico pescoço.

Tudo isso é muito bom, é um grupo musical que não deve nada a nem um outro conjunto musical do Brasil inteiro.

A Semithe então é simplesmente uma cantora genial. Eu garanto!



Fonte: Ivaldo Lúcio



Compartilhe essa notícia



Comentários ( 0 )

Notícia sem comentários.
Faça seu comentário agora.
 

Site Lucio Dia e Noiter já teve 828850 Acessos
Sua empresa ainda não tem site? clique aqui
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<