Cuiabá MT, 24 de Junho de 2017 - São
 

Cidade
  Mato Grosso
  Brasil
  Sociaedade
  Curiosidade
  Polícia
  Política
  Justiça
  Variedades
  Esporte
  Coluna
  Opinião
  Artigo

Newsletter
Nome:
<

Email:
<
<
<
<
<
<
<

Parcerias
<
<
<
<
<
<
<
<
<

Denúncias
<
<
<
<
<
<
<
<

<
<
<
<
<
<
<
<

<
<
<
<
<
<
<
<

<
<
<
<
<
<
<
<

  Campeonato Estadual será neste domingo em Cuiabá  
  28/09/2012 - 16:01  
 Competição pretende reunir cerca de 300 lutadores de diversos municípios 
Rogerio Florentino Pereira

 A Federação Matogrossense de Jiu-Jitsu (FMTJJ) realiza neste domingo (30), a partir das 9h, no Palácio das Artes Marciais Iusso Sinohara, no Complexo do Verdão, em Cuiabá, o Campeonato Estadual 2012 de Jiu-Jitsu.



A FMTJJ espera que cerca de 30% dos 940 atletas federados domiciliados por todo o estado participem da competição.



No sábado (29) será realizado também no Palácio das Artes Marciais, a partir das 11h, um Congresso Técnico para discussão das regras e procedimentos. Os atletas serão divididos em oito categorias por faixa etária, subdivididos em dez categorias por peso e subdivididos por faixa: branca, azul, roxa, marrom e preta.



O esporte




O jiu-jitsu foi desenvolvido e sedimentado pela família Gracie desde a década de 40 no Rio de Janeiro. Devido a diversos fatores, até os anos 60, essa arte ficou restrita basicamente ao Rio de Janeiro e depois expandiu para todo Brasil.



De acordo com Francisco Fernandes, conhecido por Chicão, o jiu-jitsu ensinado pelos Gracie na década de 60 era diferente do praticado nos dias atuais.



“No início o jiu-jitsu era uma briga de autodefesa. Não existiam regras e as pessoas aprendiam para se defender na rua. Agora é de outra forma, pois para essa arte marcial difundir foi preciso criar regras para ter acesso às escolas e aos jovens. Hoje se tornou um esporte de competição”, conta Chicão.



Francisco Fernandes, 57 anos, começou a praticar jiu-jitsu aos sete anos de idade na primeira academia da família Gracie, no Rio de Janeiro (RJ). O carioca nasceu em 1955 e junto da família Fernandes migrou para Cuiabá em 1992. Casado e com três filhos, montou no ano seguinte, na capital mato-grossense, a própria academia.



O mestre Chicão é o treinador da academia Gracie Barra Detonando, que levará para a competição cerca de 120 lutadores, incluindo alunos da academia também de projetos sociais promovidos em parceria com a Secretaria Municipal de Esportes em bairros carentes.



Também são esperados atletas de outras academias da capital e interior.



Fonte: Midia News



Compartilhe essa notícia



Comentários ( 0 )

Notícia sem comentários.
Faça seu comentário agora.
 

Site Lucio Dia e Noiter já teve 641328 Acessos
Sua empresa ainda não tem site? clique aqui
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<