Cuiabá MT, 15 de Dezembro de 2017 - São
 

Cidade
  Mato Grosso
  Brasil
  Sociaedade
  Curiosidade
  Polícia
  Política
  Justiça
  Variedades
  Esporte
  Coluna
  Opinião
  Artigo

Newsletter
Nome:
<

Email:
<
<
<
<
<
<
<

Parcerias
<
<
<
<
<
<
<
<
<

Denúncias
<
<
<
<
<
<
<
<

<
<
<
<
<
<
<
<

<
<
<
<
<
<
<
<

<
<
<
<
<
<
<
<

  Morre em Cuiabá juiz federal mais antigo de Mato Grosso  
  28/12/2011 - 10:56  
 Jurista faleceu vítima de uma parada respiratória em hospital da Capital; sepultamento será nesta quarta-feira  
midia news

Morreu na tarde desta terça-feira (27) em Cuiabá o jurista aposentado Clóvis de Mello, 78 anos, o primeiro juiz federal empossado em Mato Grosso e o advogado mais antigo que ainda estava em atuação no estado. Ele é considerado um dos mais renomados juristas da história do estado, com atuação nas áreas do direito civil e constitucional.

Mello estava há 10 dias internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital particular de Cuiabá. Desde 2008, ele lutava contra uma bronquite crônica e faleceu vítima de uma parada respiratória no hospital.

O velório, aberto ao público, será realizado na sede da Ordem dos Advogados do Brasil, seccional em Mato Grosso (OAB), no Centro Político e Administrativo, na capital do estado. O sepultamento do corpo será na quarta-feira (28), às 12h, no Cemitério da Piedade.

A OAB, o Tribunal de Justiça e a Justiça Federal emitiram notas manifestando pesar pela morte do jurista Clóvis de Mello. Ele deixou quatro filhos, entre eles o juiz titular da Terceira Vara da Comarca de Sinop (500km a norte de Cuiabá), Clóvis Mário Teixeira de Mello, além de cinco netos e dois bisnetos.

“Ele era um grande amigo, pai, jurista e professor. Vai deixar muita saudade. Era um homem de conduta ilibada. Não existe um mancha na vida deste homem. Ele partiu com a missão cumprida”, declarou o advogado Antônio Luiz Bertoni, genro do jurista. O genro comentou que recebeu ligações de pêsames do governador Silval Barbosa (PMDB) e o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes.

Histórico

O jurista Clóvis de Mello nasceu em 18 de maio de 1933, em Cuiabá, e se formou em 1953 na Universidade Federal do Rio de Janeiro. Ele foi empossado juiz federal junto com Mario Figueiredo Ferreira. Eles são considerados os primeiros juízes federais do estado.

Além disso, Mello foi Chefe de Polícia de Mato Grosso, sub-chefe da Casa Civil do governo Júlio Campos, membro da Academia Mato-grossense de Letras (AML), foi professor da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) e era o advogado com o mais antigo registro da OAB ativo no estado.



Fonte: midia news



Compartilhe essa notícia



Comentários ( 0 )

Notícia sem comentários.
Faça seu comentário agora.
 

Site Lucio Dia e Noiter já teve 828874 Acessos
Sua empresa ainda não tem site? clique aqui
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<